4136

As dificuldades não cessarão

08/03/2024

      A+ A-


Disse-nos o Mestre Jesus: o Senhor, Pai de todas as coisas, sempre provê seu filho, como cobre os lírios dos campos.

Se o Senhor é nosso Pastor, o que poderá nos faltar?

As dificuldades virão, as separações acontecerão, mas aquele que se mantiver firme na crença de que nada nos faltará porque somos filhos de Deus, se estiver com esta crença arraigada no coração, nada realmente lhe faltará.

 Com essas verdades, se as calúnias vos chegam, calai-vos, para não incorrerdes em mal maior.

Se as dificuldades vos batem à porta, resignai-vos, para que, no testemunho da fé, ultrapasseis essa dimensão para outras melhores.

Se as pessoas são contra os vossos pensamentos, tende a humildade de aceitar que nem todos vos compreendem ou estão preparados para vossas palavras.

E se a dissenção parte de vós, buscai no Pai o arrefecimento do vosso orgulho e da vossa soberba.

A perfeição é conquistada quando o ser se põe em joelhos com humildade e oração e, não, quando a vossa verdade busca prevalecer sobre a verdade do outro.

Então, se estais insatisfeitos, buscai em vós a transformação. Se os que estão a vossa volta não vos compreendem, oferecei a mão compreensiva do perdão e da resignação. Não vos coloqueis como vítimas do vosso próximo, do mundo e da sociedade, pois que Jesus não foi vítima. Ele foi o exemplo de como deve se comportar aquele que segue os desígnios do Pai.

As dificuldades não cessarão, tanto para os encarnados como para os desencarnados. Para que estejais em ambiente salutar, harmônico e saudável, a mudança de atitude deve partir de vós. A transformação começa na mente e da mente ganha o coração. E, do coração, se externa, através das atitudes tomadas em concordância com o Evangelho de Jesus.

Portanto, não espereis que o outro reconheça o vosso sacrifício. As diferenças de opiniões sempre ocorrerão, porque sois espíritos ainda trânsfugas das verdades e, quando se nega a verdade, não há como avançar no progresso da Luz.

Da manjedoura, veio o amor; do exemplo, vieram as ações; e, da dor suprema do Anjo, veio o exemplo de perdão.

Que a Luz do Mestre Jesus ilumine a todos, fortalecendo os corações dos irmãos para as lutas acerbas que vos aguardam. Não estejais atrás dos muros vos protegendo, pois quem se esconde da vida, afastando-se das provas, aumenta suas provas para as próximas encarnações.

Enfrentai as vossas dificuldades nesta encarnação, para que façais jus de serdes vistos e compreendidos como verdadeiros servos da Luz.

Madalena, entre vós.

Eu estive entre as pessoas que se julgavam vítimas; colocava-me como vítima da sociedade, mas quando o Mestre ergueu a Sua fronte e falou para a população indignada que atirasse a primeira pedra aquele que nunca pecou, Ele, o Anjo, me libertou do meu pensamento de dor e de traição do Pai, quando vi que era eu quem fugia da minha prova, procurando a porta larga e o caminho fácil.

Ele é o verdadeiro Caminho, Verdade e Vida.

Salve, o amado Mestre Jesus!

 

Maria Madalena

GESH – 15/12/2023 – Vitória, ES – Brasil




RETORNAR ÀS MENSAGENS E DIVULGAÇÕES
ENTRE EM CONTATO CONOSCO AGORA MESMO!
Todos os direitos reservados ao Grupo Espírita Servos de Jesus | 2017
FBrandão Agência Web